Interfone ou Porteiro Eletrônico, qual a melhor escolha?

Em um condomínio, apartamento ou até mesmo uma pequena empresa a necessidade e uma agilidade na comunicação torna a convivência muito mais prática e produtiva. Logo, é preciso um levantamento para saber qual o meio mais eficaz e com melhor custo/benefício além de segurança e comodidade. Existem diversos meios de comunicação atualmente, faremos apenas uma comparação de dois produtos mais utilizados em residências e condomínios. O porteiro eletrônico e uma central de comunicação ou interfone.

  • Porteiro Eletrônico

A utilização desse aparelho permite que o visitante acione um botão de numeração fixa correspondente ao apartamento ou casa desejada, o morador pode permitir o acesso por meio de uma botoeira ao lado do próprio aparelho ou uma outra botoeira instalada.

Prós

  1. Instalação mais simples em comparação a outras tecnologias
  2. Não requer programação ou configuração complexa
  3. Instalação de menor preço também em comparação a outros sistemas digitais

Contras

  1. Não permite comunicação simultânea entre os moradores
  2. Por ser um sistema analógico poderá ficar inoperante caso haja um curto em qualquer um dos aparelhos internos
  • Central de Comunicação (Interfone)

Esse é o sistema de comunicação mais conhecido nos condomínios e empresas pela sua eficiência, uma das características mais procurada é a possibilidade de comunicação de ramais simultaneamente.

Prós

  1. Ligações sigilosas, diretas e sem custo entre apartamentos
  2. Transferência
  3. Rechamada a ramal
  4. Possibilidade de acionamento de portões ou fechaduras
  5. Caso haja algum problema na instalação em algum dos ramais, não compromete o sistema

Contras

  1. Exige manutenção periódica para manter o correto funcionamento.
  2. Infra adequada para passagem de cabos
  3. Custo maior na implantação

Mostramos de uma forma simples a diferença entre os dois equipamentos mais utilizados em uma residência ou condomínio. Caso queira maiores informações ou instalação e manutenção, entre em contato conosco.

A importância da manutenção no seu interfone

Edificações residenciais e comerciais que possuem interfones requerem uma manutenção preventiva para assegurar o bom funcionamento do sistema. O serviço identifica e corrige princípios de falhas, como ramais mudos ou com ruídos.

Caso o distribuidor geral (DG) de interfonia esteja junto com o de telefonia, é indicado um contrato que una os dois produtos, colocando uma só empresa como responsável pelas instalações internas.

Sistemas de interfones bem instalados dificilmente apresentam problemas em curto e médio prazo. Mas o bom funcionamento requer alguns cuidados. Para que não haja interferência de rádio frequência, por exemplo, recomenda-se a utilização de cabos com blindagem, homologados pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

Portanto, é importante dedicar atenção especial à especificação dos produtos, cuja marca também deve ser levada em consideração.

É necessário adotar cuidados durante a instalação do sistema, como separar a rede de interfonia da de elétrica, utilizar filtros de linha, aterramento eletrônico e conceber conexões bem-feitas.

Em um plano de manutenção preventiva, a verificação do sistema é feita em um intervalo periódico, para identificar princípio de umidade, organizar os quadros e jumpers, instalar novos ramais ou remanejá-los.

Não deixe seu sistema de interfone parar, contate nossos consultores.

Na referência: PASSEG